Manejo de Plantas Daninhas no café

As plantas daninhas na cultura do café podem competir por água, luz, nutrientes, trazendo assim, prejuízos ao crescimento e consequentemente a produtividade do cafeeiro. Além disso, a ocorrência de plantas daninhas pode atrapalhar tratos culturais como por exemplo a varrição.  Por isso, fazer o manejo correto é muito importante.

A intervenção nas plantas daninhas deve ser feita sempre que a mesma estiver de alguma forma prejudicando a cultura comercial, seja ocupando um lugar indesejado, subtraindo luz, água ou nutriente. No caso da cultura do café existem épocas do ano que coincidem com estádios de desenvolvimento onde se deve ter uma maior atenção com o seu manejo, que é na época da expansão e granação dos frutos, onde a demanda da planta de café é maior, dessa forma, deve-se evitar competição de plantas daninhas principalmente nesse período.

O manejo deve ser feito através de controle químico, utilizando produtos específicos para cada erva em questão, devidamente registrados para a cultura comercial. Podemos também utilizar do método de controle mecânico, onde existem vários implementos como: roçadora, trincha, roça carpa, rolo faca, etc.

Em relação aos produtos químicos os cafeeiros adultos já são mais tolerantes que os jovens, mas sendo mesmo assim desejável que se evite intoxicação, portanto a escolha dos produtos deve ser muito criteriosa, pois caso contrário pode causar deságio à parte vegetativa e também produtiva.

Fonte: https://rehagro.com.br/blog/manejo-de-plantas-daninhas-na-cultura-do-cafe/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − quatro =